sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Capitulo 17





Liam acordou depois de uma noite bem juntinho á sua namorada. Inspirou fundo e o cheiro muito característico da Matilde entranhou-se no seu corpo deixando-o feliz. Percorreu parte do corpo de Matilde com as suas mãos quentes na tentativa de interiorizar que o que estava a viver era a realidade. Ficou alguns minutos simplesmente a observar a beleza dela, a forma como era unicamente perfeita. Deu-lhe um beijo na testa sem a acordar e saiu da cama para pedir o pequeno-almoço. Um pequeno-almoço digno da sua namorada. Depois de fazer o pedido é que se lembrou de ir ver as horas e já eram onze horas e dez minutos, mostrados no seu telemóvel. Para além das horas também reparou que tinha quatro chamadas não atendidas, do Harry, do Zayn, do Niall e do Louis. Decidiu telefonar-lhes para não os preocupar mais.

Liam – Bom dia puto! – disse assim que o Harry atendeu

Harry – Seja bem aparecido, ou melhor, seja bem ouvido!

Liam – Que exagero, meu! Avisei que não ia dormir aí…

Harry – Sim, nós sabemos! O que não sabemos é por onde é que andas…ou será pedir muito?

Liam – Não é pedir muito mas eu já volto hoje á tarde…depois conto tudo!

Harry – Fixe! Afinal, deu para pensares nalguma coisa ou andaste a armar confusão?

Liam – Definitivamente deu para pensar…

Harry – Ainda bem, pode ser que venhas melhor humorado! Olha, queres saber uma novidade?

Liam – Diz, puto?

Harry – A Matilde vem hoje sabias?

Liam – A sério? – Liam olhou para a cama e sorriu, a Matilde continuava a dormir lindamente – não sabia!

Harry – Vê lá se acabas de uma vez por todas com o mau ambiente entre vocês para as coisas correrem bem!

Liam – Vou tentar…

Harry – Não é vou tentar, é vou conseguir! Se não vieres melhor sou eu que te trato da saúde ouviste?

Liam – E logo tu? Não metes medo…

Harry – Experimenta só!

Liam – Acho melhor desligar…tenho coisas a fazer!

Harry – Estás é com medo…

Liam – No dia em que tiver medo de ti, enterra-me! Já não ando a fazer nada neste mundo…

Harry – Ahah! Goza goza! Eu estou aqui á tua espera e logo veremos…

Liam – Está bem…até logo puto!

Harry – Até logo!

Liam pousou o telemóvel e voltou para junto de Matilde, precisava de a acordar pois já começava a ficar tarde. Deu-lhe um beijo rápido nos lábios e esperou alguma reação, ela apenas engrunhou o nariz e mexeu-se um pouquito mas não acordou. Voltou a dar-lhe um beijo mas desta vez mais demorado que produziu o efeito necessário, acorda-la.

Matie – Humm… - proferiu ao mesmo tempo que puxava os lençóis para cima cobrindo-lhe a cara – só mais cinco minutos…

Liam – Já é tarde amor…tens que te levantar! – ao mesmo tempo que puxava o lençol para trás descobrindo-a

Matie – Está frio! – resmungava tentado puxar novamente o lençol para cima mas em vão – opah! Estás a ser muito mau…

Liam – Estou a ser mau? Acordei-te com beijos e ainda dizes que sou mau? É assim?

Matie – Gostei da parte dos beijos não a parte de sair da cama! Quero ficar aqui, e contigo! – sorriu – o que é que já estás a fazer levantado? Volta para aqui…. – disse com uma voz melosa e bastante tentadora mas Liam não se deixou ir

Liam – Já é tarde, tenho que ir tomar banho e tu também!

Matie – Oh, não tens nada! Não gostas é de mim isso sim!

Liam – Que ideia tonta é essa amor? – Liam inclinou-se sobre o corpo de Matilde sem fazer demasiada pressão sobre ele e beijou-a. Com uma das mãos livres procurou uma das mãos da Matilde ao mesmo tempo que a beijava. Assim que a encontrou entrelaçou-a na dele e quebrou o beijo – Eu gosto muito de ti sim! – deu um beijo na mão dela

Matie – Eu também gosto muito de ti! – Liam pegou no telemóvel dela que estava em cima da mesa-de-cabeceira e mostrou-lhe as horas

Liam – Este é que é o nosso problema…

Matie – Que horror! Como é que dormimos tanto?

Liam – A companhia era boa demais…

Matie – Pois também acho que sim! Bem, é melhor ires tomar banho porque eu demoro bastante tempo!

Liam – Ok. Já mandei vir o pequeno almoço, deve estar quase a chegar!

Matie – Humm…estou com imensa fome, acho que até comia um animal inteiro agora!

Liam – Ahah! Agora fizeste-me lembrar o Niall…

Matie – Pois, somos pessoas de muito alimento, tens alguma coisa contra?

Liam – Eu nenhum! Vou p’ro banho!

Matie – Ei, espera! – Matilde pôs-se de joelhos em cima da cama e chamo-o até ela. Colocou os braços em cima dos ombros dele – já te que dei hoje o beijo de bons dias?

Liam – Hum..não, ainda não deste!

Matie – Queres recebe-lo?

Liam – Muito!

Matie – Muito mesmo?

Liam – Muito muito muito!

Depois de estarem alguns minutos aos beijos e caricias, Liam foi para a casa de banho e Matilde voltou a escapulir-se para dentro dos lençóis quentinhos. Pegou no telemóvel e reparou que tinha uma mensagem do irmão.

De: Maninho
Bom dia mana! Quero saber se andas a portar-te bem com o teu namorado! Juizinho miúda! Ah…e não te esqueças que tens que contar aos pais antes de apareceres nas revistas! Gosto muito de ti…
Beijinhos!

Assim que leu a mensagem respondeu-lhe de imediato

Para: Maninho
Bom dia chato! Ando a portar-me lindamente, está descansado. E não te preocupes que eu conto aos pais, mas não é para já! Vou deixar passar um pouco e depois conto-lhes! Eu também gosto muito de ti chatinho!
Beijinhos!

Pousou o telemóvel e deixou-se ficar na cama mais um bocado. Passado alguns minutos deixou de ouvir o barulho da água a correr e alguém bate á porta. Matilde apressasse a vestir a primeira coisa que encontrou, a t-shirt do Liam que estava no fundo da cama. Abriu a porta e lá estava o empregado com o pequeno-almoço, deixou-o entrar para levar o carrinho e deu-lhe uma gorjeta. Assim que o empregado saiu, Matilde reparou que Liam já tinha saído do banho e vinha apenas com uma toalha à cintura. Ele estava com uma cara de trombas e Matilde não percebia o porquê.

Matie – Que cara é essa? – ao mesmo tempo que colocava um dos tabuleiros em cima da cama

Liam – Ainda perguntas que cara é essa?

Matie – Não estou a perceber…

Liam – Então tu vais-me abrir a porta assim só com uma t-shirt sem mais nada?!

Matie – Que exagero! Não se vê nada amor!

Liam – Vê-se pois! Ao empregado só lhe faltou comer-te com os olhos…

Matie – Não acredito que estejas com ciúmes Liam, ainda por cima por causa de uma coisa destas!

Liam – Também não é para menos! Não gostei da forma como o empregado olhou para ti…

Matie – E querias que fizesse o quê? Não sabia que era um homem…

Liam – Esperavas que eu abrisse a porta…

Matie – E tu estás melhor vestido? Só com uma toalha…queria ver se fosse uma rapariga!

Liam – Não é a mesma coisa!

Matie – Poupa-me Liam! Cena de ciúmes agora é que não! Se ainda fosse eu a ter ciúmes ainda se compreendia, agora tu?

Liam – Então não posso ter ciúmes?

Matie – Não disse isso…só não gostei da forma de como falaste! Até parece que provoquei o homem!

Liam – Eu sei que não o fizeste mas…

Matie – Mas o quê?

Liam – Sinto-me inseguro…

Matie – Mas eu não te dei razões nenhumas para estares inseguro! Estou aqui não estou? Não percebo o porquê deste drama todo!

Liam – Desculpa…mas ver aquele gajo a fazer-se a ti deixou-me fora de mim, que queres?

Matie – Quero que confies em mim e que deixes de ter esses ciúmes idiotas!

Liam – Eu confio em ti, não neles!

Matie – Oh! E eu? Tu tens meio mundo de raparigas atrás de ti e não faço nenhum escândalo, pelo menos por agora!

Liam – Só tenho olhos para ti, não tens de te preocupar com as outras!

Matie – E eu também só tenho olhos para ti, não tens que te preocupar com os outros!

Liam – Ok, já percebi!

Matie – Ainda bem…bem, vamos comer porque ainda tenho que tomar banho.

Depois do pequeno-almoço tomado, Matilde foi tomar banho e Liam ficou a arrumar tudo. Assim que terminou o duche, vestiu-se o mais rapidamente possível ainda na casa-de-banho. Quando se apercebeu que não tinha trazido a bolsa da maquilhagem chamou o Liam.

Matie – Liam!!!

Liam – Diz princesa! – ele chega-se até ele e olha-a de cima a baixo – onde é que pensas que vais assim vestida?

Matie – O que é que tem? Está mal? Não gostas?

Liam – Estás linda, esse é que é o problema! Não tens uma saia mais comprida para vestires não?

Matie – Não acredito que vamos voltar ao mesmo Liam!

Liam – Eu sei que o que é bom é para se ver, mas preferia que fosse só eu a ver!

Matie – Por favor! Por essa ordem de ideias então vou deixar de ir á praia certo? Vou ter que começar a usar roupa de freira…

Liam – Também não quero isso…

Matie – Então deixemos esta conversa sem sentido antes que me chateie a sério! Podes-me ir buscar a minha bolsa da maquilhagem que está na mala mais pequena, enquanto acabado de secar o cabelo?

Liam – Está bem… - ele foi-lhe buscar a bolsa – sabes que não precisas disso para ficares bonita não sabes?

Matie – Sei…

Liam – Convencida!

Matie – Ahah! Mas também sei que tenho que estar sempre bem já que tenho um namorado famoso!

Liam – Tu estás sempre bem…

Matie – Isso dizes tu, agora quando começar a aparecer nas revistas que tenho uma mancha ali ou celulite acolá, é que vai ser bonito!

Liam – Tens medo desse lado?

Matie – Não é ter medo, apenas não quero ser julgada só por ser tua namorada entendes? Sei lá, por exemplo, digamos que arranjo trabalho num sítio qualquer, as pessoas vão logo pensar que foste tu que mexeste os cordelinhos para eu entrar. Que não entrei por mérito próprio. Isso assusta-me…

Liam – Eu sei que assusta e compreendo. Mas não podemos fazer nada apenas tentar passar a nossa relação um pouco despercebida aos olhos da imprensa. Eu não te quero expor dessa maneira e vou fazer os impossíveis para que a tua privacidade e a nossa não seja motivo de manchetes nas revistas!

Matie – Sabes que isso é praticamente impossível não sabes?

Liam – É praticamente impossível, não é impossível!

Matie – Espero bem que não! Bem, temos que nos despachar, passa-me o lápis…


***

A Vera, a Filipa, a Carla e a Joana encontravam-se a meio caminho da casa dos rapazes para prepararem a surpresa que tinham engendrado para juntarem a Matilde ao Liam.

Vera – Ainda nem acredito que a Matilde vem hoje de novo…

Carla – Podes crer…e o Liam também vem hoje!

Joana – Andam sincronizados! Quando um sai o outro sai também, quando um chega o outro também!

Filipa – Agora basta esperar que eles se entendam desta vez…

Carla – Eu acho que sim! O que temos preparados para aqueles dois deve chegar para se entender…

Vera – Se não der, passamos para o plano B!

Filipa – Qual plano B?

Vera – A força!

Joana – Claro! Obrigamo-los a beijarem-se…

Vera – Se for preciso…

Carla – Vai ser lindo ver a cara deles quando se aperceberem aonde é que estão metidos…

Filipa – Espero mesmo que resulto depois de todo o trabalho que vamos ter!

Joana – Temos de estar confiantes meninas! O amor triunfa sempre não é?

Vera – Só resta saber se há amor suficiente para triunfar…

Assim que chegaram a casa dos rapazes puseram todos mãos á obra para terem tudo preparado para quando chegassem.

***

Depois de arrumarem todas as malas e de já estar tudo pronto para abandonarem o quarto do hotel, Matilde começou a ficar com saudades.

Matie – Não acredito que temos que ir já… - disse ao encostar-se a uma das paredes do quarto  – não quero ir!

Liam – Eu também não quero ir mas tem que ser! Não podemos ficar aqui para sempre…

Matie – Tens a certeza que não podemos? – ao mesmo tempo que fazia um beicinho

Liam – Não faças isso que eu não te resisto quando me olhas desse jeito – Matilde parou com o beicinho e ficou com uma cara triste – …mas prometo voltar a trazer-te aqui novamente e da próxima vez com mais tempo…

Matie – Acho muito bem porque eu mereço… - ao mesmo tempo que se alegrava

Liam – Mereces? Não sei não…

Matie – O quê? Já não gosto mais de ti! - enquanto fingia amuar

Liam – Como se eu acreditasse que já não gostas de mim…não me consegues resistir!

Matie – Consigo pois, pensas o quê?

Liam – Ai é? – Liam prende os braços de Matilde contra a parede e começa a percorrer o ombro desprotegido de roupa com pequenos beijos continuando pelo pescoço deixando Matilde com o coração em alta voltagem de batimentos

Matie – Pára! – pediu em surdina mas em vão, Liam parou de dar beijos no pescoço e passou para pequenas mordicadelas levando Matilde ao desespero da tentação – vais-me deixar cheia de marcas!

Liam – Só estou a marcar o que é meu! – rematou com um beijo apaixonado nos lábios largando os braços dela que assim que se viram livres voaram inconscientemente para cima dos ombros dele puxando-o ainda mais para si. Enquanto as mãos dele viajavam por todo o corpo dela escapulindo-se por debaixo da saia.

Matie – Ok, ganhaste! Não te consigo resistir… - no instante em que sentiu a avançar por debaixo da saia – estás satisfeito?

Liam – Muito! – deu-lhe um beijo curto e de seguida Matilde foi em direção ao espelho ver o estado em que tinha o pescoço

Matie – Que bruto que és! Já viste bem como me deixaste o pescoço? Está todo vermelho… - Liam apenas se ria – ainda te ris? Com que cara é que vou sair assim neste estado?

Liam – Que exagero! Não se nota quase nada…

Matie – Claro que não se nota… - ironizou. Pegou na mala e tirou um lenço para pôr em redor do pescoço para tapar alguma coisa – mesmo assim ainda se nota! Fogo, só faltava arrancares um bocado de pele…

Liam – Assim toda a gente sabe que tens namorado…

Matie – Oh, que gracinha! Vamos masé embora porque ainda perdemos o voo!

Liam – Realmente era uma grande chatice ficar aqui em Paris mais uma noite não era?

Matie – O que tu queres sei eu!

Liam – Como se tu também não quisesses!

Matie – Opah, vamos embora ou não? Assim perco mesmo a vontade e ficamos aqui!

Liam – É melhor irmos…

***

Finalmente Liam e Matilde tinham chegado a Londres, ela apressou-se logo a mandar mensagem ás amigas a perguntar aonde estavam e elas responderam que estavam em casa dos rapazes. Assim eles foram mais sossegados até à casa da Matilde sem terem receio de serem apanhados pelos amigos. Depois de colocarem as malas no quarto dela, Liam teve que se ir embora.

Liam – Até já amor!

Matie – Até já! – beijaram-se e Liam foi para sua casa. Matilde começou a arrumar todo a sua tralha, tirou todas as roupas das malas e começou a preencher o roupeiro que se encontrava vazio. Passado alguns largos minutos recebe uma mensagem do Liam

De: amor ^^
Amor, já cheguei a casa e eles andam a tramar alguma coisa. Pelo que percebi é algum plano para nos juntar! Já tentei saber através do Harry mas ele não se descose por nada deste mundo -.-! Já podes vir porque já estou cheio de saudades tuas xD…
Adoro-te muito princesa!

Assim que leu a mensagem respondeu-lhe de imediato

Para: amor ^^
Ok, eu já vou aí ter. Até tenho medo do que eles possam ter inventado desta vez :P! Já estou cheia de saudades tuas também xD!
Adoro-te!

Matilde abandonou o que estava a fazer e pôs-se a caminho da casa deles sem saber o que esperar.




Espero que tenham gostado! =)
Peço desculpa por não ter publicado ontem mas a escola não perdoa e em altura de testes é mais complicado escrever. Quero também agradecer a todas as seguidoras e aos que lêem os comentários feitos, são sempre bastante importantes!
Quero também avisar que para a semana também vou ter a semana cheia de testes e que poderei postar dia sim, dia não para que os capítulos sejam maiores e para ter mais tempo para os escrever.
Espero que compreendam!

Obrigada
Liis

2 comentários: